(Português) Sobre o Dicionário de Petróleo

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Quando li sobre o lançamento do Dicionário do Petróleo em Língua Portuguesa, esta semana, confesso que fiquei animada. Trabalho bastante na área, principalmente na parte dos processos químicos, mas é uma área bastante complexa. Um dicionário que se proponha a cobrir as três variantes, do Brasil, de Portugal e de Angola, juntamente com o inglês, seria de grande valia.

Mas logo depois de comentar sobre o dicionário no twitter, o colega português João Roque Dias jogou um balde de água fria nas minhas esperanças. Disse que não era bem assim e que me enviaria comentários por email. Realmente enviou, no dia seguinte, mas eu estava com serviço até as orelhas e não tive tempo de postar anteontem nem ontem. O João Roque acabou publicando os comentários no Facebook, então acho mais fácil direcionar à fonte.

Nesse meio tempo, conversei com o também colega Ricardo Souza que, da mesma forma que o J. R. Dias, aconselha o dicionário para quem quer aprender mais sobre a área com a primeira parte do dicionário (PT>IN), mas não para quem só precisa de consultas rápidas ao glossário do final (IN>PT).

Eu confesso que ainda não peguei o dicionário para folhear e emitir uma opinião. Foi uma semana para lá de corrida, mas vou tentar achar um tempinho nos próximos dias. Assim que tiver algo mais a dizer, volto para complementar. Mas, como havia prometido a alguns colegas no twitter que ia repassar as informações que conseguisse, achei por bem já postar alguma coisa.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.